Recursos
Notas de aplicação
Voltar para Recursos

Respeite o tempo de operação durante a inspeção de turbinas com os videoscópios IPLEX NX


Respeite o tempo de operação durante a inspeção de turbinas com os videoscópios IPLEX NX

Nas indústrias de geração de energia, química, petróleo e gás a redução do tempo de inatividade das máquinas rotativas — como nas pás giratórias de turbinas eólicas — é um elemento importante para a eficiência e lucratividade da usina. A utilização de videoscópios mais modernos com amplo campo de visualização, recursos de medição expandidos e softwares com interfaces intuitivas permite que os inspetores consigam imagens e medições detalhadas rapidamente, aumentando a eficiência das inspeções e maximizando o aproveitamento do tempo de operação.

A inspeção de uma usina é crucial, porém difícil, devido à grande variedade de equipamentos. Maquinas rotativas como turbinas, bombas, geradores, compressores e caixas de engrenagens estão constantemente sob pressão e exigem inspeção regular para prevenir falhas e manter a alta eficiência do combustível. As verificações regulares ajudam a detectar, identificar e quantificar diferentes tipos de defeitos e danos (figura 1).

Figura 1 — As partes giratórias de uma turbina exigem inspeção regular para manter a operação eficiente e segura
Figura 1 — As partes giratórias de uma turbina exigem inspeção regular para manter a operação eficiente e segura

Agiliza a inspeção

A saída — e, portanto, a rentabilidade — do equipamento está, muitas vezes, diretamente relacionada ao tempo de operação. Como o equipamento rotativo precisa ser desligado (e, às vezes, arrefecido) para a inspeção, as tecnologias que aceleram esse processo proporcionam rapidamente um alto retorno sobre o investimento.

A inspeção visual remota (RVI, sigla em inglês) é um método comumente usado para visualização de áreas de difícil alcance de máquinas rotativas. A última geração de equipamentos de inspeção visual remota, como o videoscópio IPLEX NX® (figura 2) — da Olympus —, é adequada para esse tipo de inspeção, por causa da iluminação brilhante, da maneabilidade intuitiva e do software fácil de usar.

Figura 2 — O videoscópio IPLEX NX da Olympus simplifica a visualização de locais de difícil acesso
Figura 2 — O videoscópio IPLEX NX da Olympus simplifica a visualização de locais de difícil acesso

Componentes grandes

Figura 3 — O software InHelp permite a marcação e classificação com apenas um clique, acelerando a criação de relatórios
Figura 3 — O software InHelp permite a marcação e classificação com apenas um clique, acelerando a criação de relatórios
Figura 3 — O software InHelp permite a marcação e classificação com apenas um clique, acelerando a criação de relatórios

Figura 3 — O software InHelp permite a marcação e classificação com apenas um clique, acelerando a criação de relatórios

Amplo campo de visualização

Projetado para acelerar a formação de imagem e medição de componentes grandes, como as pás giratórias de turbinas eólicas, o videoscópio IPLEX NX possui área de visualização quatro vezes maior que a dos videoscópios convencionais (figura 4). Uma área maior significa que para obter uma visualização geral adequada de um componente grande não é preciso unir várias imagens. Isso simplifica e agiliza o fluxo de trabalho de inspeção visual remota

A ampliação da área de visualização indica que as medições são mais objetivas. Ao encontrar um defeito, os inspetores, geralmente, também precisam quantificá-lo. Isso quer dizer, por exemplo, que os inspetores devem medir a distância entre o defeito e a base da lâmina ou determinar o tamanho da rachadura. Com um grande ângulo de visão, as medições não precisam ser baseadas em duas imagens separadas, aumentando a velocidade e a precisão.

Figura 4 — A área de visualização quatro vezes maior do IPLEX NX simplifica a formação da imagem e a medição dos defeitos
Figura 4 — A área de visualização quatro vezes maior do IPLEX NX simplifica a formação da imagem e a medição dos defeitos

Inspeciona. Classifica. Cria relatórios.

Outro aspecto importante que constata a eficiência da inspeção visual remota é o modo como o software do videoscópio auxilia na classificação e nas anotações das imagens, e na criação de relatórios. Durante uma inspeção, geralmente, o técnico gera muitas imagens que precisam ser organizadas adequadamente, muitas vezes usando apenas uma mão para operar a base da unidade do videoscópio, para criar relatórios claros.

Com o software de gerenciamento de imagens e relatórios InHelp, da Olympus, você pode fazer anotações e classificações com facilidade durante as inspeções. Ele também permite que os inspetores classifiquem os defeitos de acordo com a gravidade do dano (figura 3) com apenas um clique. Esses recursos agilizam a criação de relatórios, além de reduzirem os riscos de erro humano.

Resumo

Devido aos altos custos associados ao tempo de inatividade das máquinas rotativas, inspeções rápidas são muito benéficas para a produção da usina. O videoscópio IPLEX NX, da Olympus, é adequado para inspeção visual remota nas indústrias de geração de energia, química e de petróleo e gás por causa dos recursos exclusivos para inspeções rápidas e precisas. Medições com perspectiva ampla e software intuitivo, juntamente com a iluminação brilhante e articulação ajustável, fazem com que o IPLEX NX reduza o tempo de inatividade e maximize a lucratividade da usina.

Olympus IMS
ProductsUsedApplications

Sistema de videoscópio industrial com tecnologia de ponta e recursos avançados, fácil de usar e resistente. Inspeções com imagens de alta qualidade para operações de recuperação; a versatilidade alcança vários benefícios além de sua experiência.

Sorry, this page is not available in your country
Let us know what you're looking for by filling out the form below.

Este site utiliza cookies para melhorar o desempenho, analisar o tráfego e para e verificar os anúncios. Se você não alterar as configurações da web, este site continuará a utilizar os cookies. Para obter mais informações sobre a utilização dos cookies neste site e como restringir sua utilização, consulte nossa Política sobre cookies.

OK